×

Descubra as principais razões para o desenvolvimento do câncer de pele e aprenda como se prevenir.

Descubra as principais razões para o desenvolvimento do câncer de pele e aprenda como se prevenir. 1

Descubra as principais razões para o desenvolvimento do câncer de pele e aprenda como se prevenir.

O câncer de pele tem múltiplas causas, como a exposição à radiação ultravioleta do sol, feridas crônicas, uso de certos medicamentos, exposição a agentes químicos, exposição à radiação e infecção por certos vírus. Pessoas com pele clara, histórico familiar da doença, muitas pintas ou imunidade comprometida também estão mais propensas a desenvolver o câncer de pele.

Descubra as principais razões para o desenvolvimento do câncer de pele e aprenda como se prevenir. 2

Os sintomas comuns incluem lesões elevadas, manchas ou feridas que não cicatrizam, pintas que mudam de cor e tamanho, nódulos na pele e inchaço dos gânglios linfáticos. É importante procurar um dermatologista ao notar quaisquer sintomas ou causas do câncer de pele.

Nem toda ferida é câncer de pele, mas as feridas tumorais têm características como sangramento, bordas irregulares e cores irregulares. É recomendado realizar exames regulares com um dermatologista e utilizar protetor solar para prevenir o câncer de pele.

A regra do ABCDE é um método para identificar lesões suspeitas de câncer de pele. A avaliação é feita levando em conta os seguintes sinais: assimetria, bordas irregulares, cores que variam, diâmetro maior que 6 mm e evolução ao longo do tempo. Se uma pinta ou mancha apresentar esses sinais, é importante consultar um dermatologista para avaliação adequada.

A assimetria das pintas pode ser um indício de câncer de pele. Pintas saudáveis são geralmente simétricas e estão presentes desde o nascimento. Fique atento às pintas assimétricas que aparecem do nada.

As bordas irregulares, com borrões ou ondas, também podem ser um sinal de alerta para o câncer de pele do tipo melanoma. Preste atenção nas pintas que apresentam esse tipo de característica.

Pintas com mais de um tom ou que mudam de cor também merecem atenção. Essa alteração na cor pode ser um indício de câncer de pele.

Pintas maiores do que 5 mm podem ser preocupantes. Se suas pintas crescem ou mudam de tamanho, é importante ficar em alerta.

E, por fim, fique atento à evolução das pintas. Pintas saudáveis não mudam de tamanho ou aparência. Se suas pintas começarem a crescer, mudar de cor ou de aparência, é um sinal de alerta.

Somente um exame clínico pode diagnosticar adequadamente o câncer de pele. É recomendado fazer consultas e exames preventivos para verificar a saúde da sua pele.

Para prevenir o câncer de pele, é importante avaliar constantemente a sua pele. Verifique qualquer anormalidade, como lesões e feridas. Lembre-se de examinar o rosto, pescoço, palmas das mãos, dedos, solas dos pés e até mesmo o couro cabeludo.

Dicas de proteção incluem o uso de protetor solar como medida contra os efeitos da radiação UV. Evite a exposição excessiva ao sol nos horários mais críticos – antes das 10 horas da manhã e após as 16 horas. Utilize bonés e chapéus para proteger também o couro cabeludo.

É importante conscientizar e mobilizar a família e amigos sobre a importância dos cuidados com a saúde da pele. Faça desses cuidados uma rotina em todas as épocas do ano.

Fontes: Ministério da Saúde, Biblioteca Virtual do Ministério da Saúde, Instituto Nacional de Câncer (INCA), Instituto Melanoma Brasil.

Avalie esse artigo