×

Descubra se você se enquadra na lista de pessoas que podem tomar a vacina da gripe!

Descubra se você se enquadra na lista de pessoas que podem tomar a vacina da gripe! 1

Descubra se você se enquadra na lista de pessoas que podem tomar a vacina da gripe!

A gripe é uma infecção que ocorre o ano todo, mas se intensifica durante o outono e o inverno. É importante se proteger antecipadamente. A vacinação é fundamental para manter o sistema imunológico preparado e prevenir complicações.

Descubra se você se enquadra na lista de pessoas que podem tomar a vacina da gripe! 2

A vacina da gripe é preparada a partir de subtipos do vírus influenza, com o objetivo de aumentar as defesas do organismo. A composição varia anualmente para se adaptar às mutações do vírus.

A vacina é aplicada no braço e não causa a doença. A Organização Mundial da Saúde recomenda a vacinação anual antes das estações da gripe, pois os anticorpos diminuem com o tempo e os vírus sofrem mutações.

A vacina trivalente protege contra a gripe A e um tipo de influenza B, enquanto a quadrivalente protege contra a gripe A e dois tipos de influenza B. Nenhuma das vacinas protege contra o coronavírus.

Qualquer pessoa que não seja hipersensível aos componentes da vacina pode tomá-la. Grupos prioritários incluem crianças, idosos, gestantes, profissionais de saúde e pessoas com doenças crônicas ou imunidade comprometida.

O imunizante não deve ser tomado por pessoas com hipersensibilidade aos componentes. É importante consultar um médico antes de tomar qualquer vacina.

Muitas pessoas têm dúvidas e preocupações sobre a vacinação contra a gripe, principalmente em relação aos efeitos colaterais e à dosagem correta. Neste artigo, vamos esclarecer essas questões e destacar os benefícios dessa vacinação.

Existem algumas contraindicações para a vacina contra a gripe, como alergia a ovos, formaldeído, brometo de cetiltrimetilamônio, polissorbato 80 ou gentamicina. Se você possui alguma dessas alergias, é importante consultar um médico para obter orientação específica.

A dosagem correta da vacina é de 0,5 mL, independentemente da faixa etária. No entanto, o número de doses varia de acordo com a idade:

  • Para crianças entre 6 meses e 9 anos: duas doses na primeira vez que forem vacinadas, com um intervalo de um mês entre elas.
  • Para indivíduos a partir de 10 anos: uma dose única anual.
  • Para adultos e idosos: recomenda-se tomar a vacina uma vez a cada 12 meses.

A vacinação contra a gripe oferece diversos benefícios, sendo os principais:

  1. Prevenção para o organismo: a vacina ajuda a fortalecer o sistema imunológico, protegendo-o contra possíveis contatos com o vírus da gripe.
  2. Redução do número de hospitalizações: ao se vacinar, você contribui para evitar milhares de hospitalizações por gripe todos os anos, especialmente em grupos mais vulneráveis.
  3. Diminuição do risco de morte: mesmo que a vacinação não impeça totalmente a gripe, ela reduz a gravidade dos sintomas e o risco de complicações graves que podem levar à morte.
  4. Proteção de grupos vulneráveis: quando há uma ampla cobertura vacinal, a circulação do vírus é reduzida, protegendo não apenas indivíduos, mas toda a sociedade.

Em relação aos efeitos colaterais, é importante mencionar que a maioria das pessoas não apresenta reações significativas após a vacinação. No entanto, alguns efeitos leves podem ocorrer, como dor, vermelhidão e inchaço no local da aplicação, além de dor de cabeça, fadiga e dores musculares e nas articulações. Esses sintomas costumam desaparecer espontaneamente. Em caso de reações mais intensas ou persistentes, é recomendado procurar um médico.

No geral, a vacinação contra a gripe é segura e eficaz, trazendo benefícios tanto para o indivíduo vacinado quanto para a sociedade como um todo. Não deixe de consultar um profissional de saúde para obter mais informações e esclarecer eventuais dúvidas sobre a vacinação.

A vacinação contra a gripe é essencial para prevenir a doença e seus sintomas. Um dos efeitos colaterais que podem ocorrer após a vacinação é a sensação de liquidez no corpo. Se você experimentar isso, é recomendado tomar analgésicos prescritos por um profissional de saúde para aliviar o desconforto.

Além disso, é comum que ocorram sintomas transitórios como febre, calafrios e transpiração excessiva após a vacinação contra a gripe. Esses sintomas geralmente desaparecem naturalmente em até dois dias.

Outras reações menos comuns podem incluir tontura, náusea, vômitos, diarreia, hematoma e coceira no local da injeção. Caso você experimente esses sintomas, é importante informar um profissional de saúde para receber orientações adequadas.

A vacina contra a gripe estará disponível em breve no Sistema Único de Saúde (SUS) e na rede privada. O SUS oferece inicialmente a vacina para os grupos prioritários, enquanto a rede privada disponibiliza a vacina para qualquer pessoa a partir dos 6 meses de idade, desde que não haja contraindicações. Para mais informações sobre a disponibilidade da vacina, consulte fontes confiáveis como Fiocruz, Secretaria Municipal de Saúde e Organização Mundial da Saúde (OMS).

É importante ressaltar que a vacinação contra a gripe é uma medida preventiva fundamental para proteger-se e evitar a propagação da doença. Consulte um profissional de saúde para receber todas as informações necessárias sobre a vacina e os possíveis efeitos colaterais.

Avalie esse artigo