×

Descubra as 5 possíveis razões para sentir ardência nos pés

Descubra as 5 possíveis razões para sentir ardência nos pés 1

Descubra as 5 possíveis razões para sentir ardência nos pés

A sensação de queimação nos pés, também conhecida como “síndrome dos pés ardentes”, pode indicar diferentes condições de saúde, incluindo diabetes, neuropatia diabética, esclerose múltipla e doença vascular periférica.

Descubra as 5 possíveis razões para sentir ardência nos pés 2

Essa sensação de queimação não é considerada normal e pode ser um sinal de doenças mais graves. Por isso, é importante investigar e tratar essa condição com exames e diagnósticos específicos.

Existem várias possíveis causas para a queimação nos pés, como o neuroma de Morton, que causa uma sensação de “pedra no sapato” na região anterior do pé, e o túnel do tarso, que ocorre quando o nervo que liga o calcanhar à sola do pé é comprimido ou lesionado.

O acompanhamento médico regular e exames são essenciais para identificar e tratar essas condições. O Cartão dr.consulta é uma opção que oferece descontos em serviços e benefícios em farmácias.

Além disso, existem outras doenças que podem causar queimação nos pés, como a fascite plantar, a neuropatia diabética, alterações anatômicas nos pés, deficiência em vitamina B1 e síndromes raras.

A fascite plantar é a inflamação na fáscia plantar, que é o tecido que liga o calcanhar aos dedos. A neuropatia diabética é um dano no nervo que pode ocorrer em casos de diabetes. As alterações anatômicas nos pés também podem causar essa sensação de queimação. Já a deficiência grave de vitamina B1 pode causar o beribéri seco, que resulta em anormalidades nos nervos e músculos. Por fim, existem síndromes raras que também podem estar associadas a essa sensação nos pés.

As doenças caracterizadas pela ampla diversidade de sinais e sintomas são enfermidades que variam não só de pessoa para pessoa, mas também de doença para doença, o que torna o diagnóstico mais demorado.

Um exemplo dessas síndromes é a Síndrome de Guillain Barré, um distúrbio autoimune em que o sistema imunológico ataca partes do sistema nervoso. Geralmente desencadeada por infecções, ela provoca fraqueza muscular e redução ou ausência de reflexos.

Outro exemplo é a Eritromelalgia primária, que causa vasodilatação das pequenas artérias nos pés e mãos.

Para o diagnóstico dessas condições, é importante buscar acompanhamento periódico com um clínico geral.

No entanto, existem algumas medidas que podem ajudar a aliviar a queimação nos pés. O tratamento indicado dependerá da patologia subjacente.

Em geral, o tratamento pode envolver o uso de medicamentos prescritos pelo profissional responsável pelo processo terapêutico.

É importante lembrar que existe uma ampla variedade de especialidades e exames complementares disponíveis para auxiliar na descoberta dessas e outras patologias. Agende sua consulta e conheça todas as opções disponíveis.

Referências:

  • Eritromelalgia primária: relato de caso | Scielo
  • Neuropatia Diabética | Sociedade Brasileira de Diabetes
  • Diagnóstico e tratamento da neuropatia periférica diabética | Diretriz da Sociedade Brasileira de Diabetes
  • Fascite plantar e o esporão do calcâneo | Associação Brasileira de Medicina e Cirurgia do Tornozelo e Pé (ABTPé)
  • Síndrome do túnel do tarso | Biblioteca Virtual em Saúde (BVS/MS)
  • Anatomia do pé e suas malformações congênitas | Revista Núcleo do Conhecimento
  • Deficiência de Vitamina B1 | Ministério da Saúde (MS)
  • Síndrome de Guillain Barré | Ministério da Saúde (MS)
Avalie esse artigo